Make your own free website on Tripod.com








Telescópios - mecânica e óptica

montagem equatorial germânica














HOME | Lyot | Espelhos de Aluminio | PIcGOTO | PROJETOS 1 | ÓPTICA | DICAS | P.E. | PROJETOS 2 | LINKS | CONTATO





Montagem de baixo custo para telescópio até 200mm
















equatorial.jpg

O projeto teve como objetivo a construção de uma montagem equatorial germânica de bom desempenho , aliada a um pequeno custo, e a possibilidade de construção com ferramentas comuns e com materiais fáceis de encontrar no comércio. Foi priorizado o uso mínimo possível de serviços profissionais como por exemplo tornearia, que poderiam encarecer o projeto. As ferramentas básicas nescessárias são: serra tico tico, arco de serra, morsa,furadeira 3/8, jogo de brocas 3,7,10mm, chaves phillips e de fenda,chave fixa para as porcas.  Material: Compensado 15 e 20mm, caibro  de angelim aparelhado 55 x 45 e 700 mm de comprimento, sarrafinho aparelhado de 20mm por 20mm ( 2 pçs de 125mm),sarrafo aparelhado de jatobá  20mm x 50mm ( 6 pçs de 660mm),  3 amortecedores dianteiros usados de automóvel,  parafuso M10 com 2 porcas e 2 arruelas,  2 arruelas lisas com furo de 20mm,  6 parafusos autoatarrachante madeira 50mm,  11 parafusos autoatarrachante phillips com 30mm,  10 parafusos francês de 7mm de diâmetro mais porcas e arruelas, tinta prêta fosca, verniz escuro,  1 manopla plástica de aproximadamente 45mm com parafuso M6,  perfil de aluminio 4mm por 15mm com 200mm de comprimento,  1 dobradiça 40mm x 50mm,  cola branca cascorez extra tubo de 500gr,  7 luvas marrom de 20 mm tipo cola,  1/2 metro de lençol de borracha lisa de 2mm,  1 tubo de cola de contacto.   As medidas no desenho estão em milimetros com exceção da luva de 1/2 ( é vendida como luva de meia mas no corpo vem marcado 20 mm ).  Depois de pronta, a montagem ficou com ótimo aspecto, firme e com muita suavidade nos movimentos de ascenção reta e declinação. As vibrações no pior dos casos, não ultrapassaram 3 segundos para volta completa a estabilidade, teste feito com ocular de 10 mm a 150X. 

Construção:

Eixos: Consiga 3 amortecedores dianteiros usados de automóvel, que tenha o diâmetro do eixo de 20mm ( usei do gol e do escort ). Muitas oficinas jogam fora esses amortecedores depois de trocá-los. Faça primeiramente um pequeno corte  embaixo na capa para a retirada do óleo em uma vazilha. Depois de retirado todo o óleo, corte a capa por completo e retire o eixo. Uma das barras servirá para o eixo de ascenção reta, e as outras duas para a declinação. Corte uma das barras para que fique com 270mm, e leve ao torneiro para furar e soldar uma porca na ponta serrada para que a outra barra rosqueie, formando assim uma barra única de aproximadamente 650mm.  

Confecção do cabeçote:   O cabeçote é feito em madeira conforme desenho e composto das seguintes peças: A,B,O,N. feitas de caibro de angelim aparelhado( 4 peças iguais ). Faça um furo no centro da peça no sentido transversal para entrar uma luva marrom de vinte milimetros. Antes prepare a luva para que ela entre com suavidade na barra de aço. Detalhe: Você poderá usar luvas de bronze ou luvas de pvc marrom. Caso use as luvas marrom, elas possuem um colar interno que deve ser retirado, bastanto prendê-las e bater com uma pequena chave de fenda no anel para que esse se quebre. Depois é só fazer o ajuste  com uma lima redonda. Prepare uma massa de cola e serragem e passe em volta da luva e insira a mesma no orifício. Faça isso nas 4 luvas deixando secar mas com o eixo colocado dentro das luvas e deixando o conjunto em cima de uma superficie plana para que depois de sêca as luvas fiquem perfeitamente alinhadas. Confeccione as peças C e P conforme desenho. Cole as peças A e B na C  novamente com o eixo introduzido, para elas secarem alinhadas. Depois de sêcas reforce as peças com 2 parafusos de 50mm em cada ponta. Cole as peças O e N na peça P e faça os mesmos procedimentos.

Base inferior do cabeçote:    A base é dividida em 2 partes: Suporte do eixo de AR e disco da base. Suporte de AR composto das peças D,E,F,G,H. são feitas em compensado 15mm( D,E ) e sarrafinho 20mm x20mm ( F,G ). Corte as peças conforme desenho. A peça H é feita de 2 retângulos 120mm x 125mm de compensado de 15mm coladas para ficar com 30mm de espessura. Cole as peças D,E,F,G conforme desenho. As peças D,E deverão ficar equidistantes para que a peça C entre justo entre elas. Deixe o conjunto secar bem durante pelo menos um dia.

Disco da base:   É a peça que vai suportar todo o conjunto superior e também o tripé.  Corte um disco de 200mm de diâmetro e 20mm de espessura.   Corte dois discos de 150mm de diâmetro e cole-os para ficar um disco de 30mm de espessura. Desenhe um triângulo equilátero no disco de 150mm conforme dimensões no desenho do disco da base. Corte o triângulo e cole bem centrado no disco de 200mm. Confeccione as peças K,L,M que serão os suportes do tripé. Cole e parafuse as peças no triângulo e no disco, numa disposição de 120 graus. Cole agora o conjunto D,E,F,G,H sobre a base circular I, bem centrado e de forma que o eixo de ascensão reta fique bem direcionado para um dos suportes do tripé ( K,L, ou M ). Parafuse também firmemente a peça H no disco I com dois parafusos de 50mm. 

Confecção do tripé:   Corte 6 peças de sarrafo 20mm x 50mm x 650mm ( existe sarrafo usado em corrimão que vem com os 2 lados arredondados e que cortados ao meio tansversalmente , dão um tripé de ótimo acabamento ). Faça então 3 furos de 8mm seguindo desenho. Para que os furos fiquem alinhados  fure os 2 sarrafos prêso juntos.Cada dois sarrafos formará um pé.Cada furo receberá um parafuso francês de 7mm. A parte inferior do pé , é prêso com um espassador de 12mm de madeira.

Suporte central do tripé:  Corte um disco de 200mm x 15mm. Faça 3 peças( U1,U2,U3 )  conforme desenho. Parafuse e cole no disco numa disposição de 120 graus.

Montagem do conjunto:  Com todas as peças prontas, encaixe o eixo de AR ( A,B,C ) no conjunto D,E,F,G,H. Faça um furo de 10mm transpassando as peças D,C,E )  conforme desenho. Prenda o conjunto com parafuso M10.  Na barra menor, meça a rosca que for maior  e fure a peça P, rosqueando a barra na madeira e apertando com porca e arruela na ponta . É importante que o eixo fique bem perpendicular na peça. Esse é o eixo de ascenção reta.

Montagem do tripé:  Com cada pé sómente com  o parafuso inferior prêso, monte o suporte central do tripé. Agora atenção: Em um piso plano e nivelado, encaixe o disco da base nas pontas do tripé. Nivele a base , e segurando firmemente os pés fure os suportes K,L,M da base através do próprio furo superior dos pés. Parafuse a parte superior dos pés.

Suporte do tubo:  Corte dois retângulos de 15mm de espessura nas medidas do desenho. Junte os dois com cola para ficar com 30mm de espessura. Faça um furo central para entrar a ponta mais fina da barra de 650mm. Faça um rebaixo na madeira para a porca ficar embutida.Prenda o eixo com arruela por baixo e por cima.É importante que o eixo fique bem perpendicular na madeira. Dois suportes semicirculares serão fixados nas extremidades da base do tubo ( o diâmetro vai depender do tubo ). O tubo pode ser prêso através de uma cinta feita de uma argola de PVC, que abre através de dobradiça  e que fecha através de parafuso com manopla e porca. A base, os suportes e a cinta devem ser revestidos com borracha lisa de 2mm. Assim o tubo não escorregará.

Peça para aperto do eixo de declinação: É muito útil para ajustar a suavidade do eixo de declinação. Corte um retângulo de madeira nas medidas do desenho. Faça um furo para uma luva marrom 20mm. Corte a peça ao meio transversalmente. Na parte mais próxima ao furo coloque uma dobradiça. Na outra ponta faça um furo de 7mm atravessando as duas peças. Nesse furo passará um parafuso M6 com manopla e  prêso com porca. Pegue a luva, corte-a ao meio tranversalmente e na espessura da madeira, e cole as duas partes no furo, uma de cada lado. Para que a peça fique bem centrada , deixe secando prêsa no eixo. Depois parafuse na peça O ( sómente o lado R ). Depois de tôda a montagem pronta e ajustada , deverá ser desmontada,  lixada, e a madeira pintada de prêto fosco com excessão do tripé que deverá ser envernizado com verniz escuro. Detalhe: não esqueça de anotar a posiçao de cada pé no disco, antes de desmontar.

Disco graduado de ascenção reta e declinação: Corte dois discos de 110mm de diâmetro por 15mm de espessura, e faça um furo central pra embutir uma luva marrom de 20mm. Corte a luva na espessura do disco. e pinte o mesmo de prêto fosco. Salve a imagem e imprima os discos de ascenção reta e declinação. Cole a impressão nos discos de madeira, e de acabamento com plástico transparente e um disco de 70mm prêto feito de uma capa de porta cd. Parafuse o disco plástico com 3 parafusos pequenos phillips em 120 graus. Detalhe: as luvas devem ser lixadas para entrarem com um pouco de pressão nos eixos. O disco com escala +- 90 graus ,vai no eixo de declinação. O de horas no eixo de ascenção reta.

Dispositivo para fixação da latitude: Faça uma peça de perfil de alumínio conforme desenho. Faça um furo na parte superior para um parafuso francês de 7mm. Prenda o parafuso com porca. Parafuse o dispositivo no disco da base embaixo do eixo de ascenção reta. Finalmente os contrapêsos deverão ter em torno de 70% do pêso do tubo. Usei também um contrapêso no eixo de ascensão reta para deixar o conjunto mais estável e com pêso melhor distribuido.

declinacao1.jpg

ar9.jpg

eixoar2.jpg

discobase3.jpg

suportetripe4.jpg

tripe5.jpg

dispositivoaperto7.jpg

dispositivolatitude8.jpg

suportetubo6.jpg

ar1.jpg

decli.gif

eixos.jpg

eixodeclin1.jpg

eixodeclin.jpg
















Equatoriais fabricadas por amigos, conforme o projeto:

http://alexmilito.multiply.com/ 

equatoriais.jpg

equatorialdohellgod.jpg

eqairton.jpg

delberson.jpg

equatorialdodeyson.jpg

equatorial1.jpg